quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Capítulo 20 - Ecco maledetto!

(ligar sutaque italiano) Cosa Succede Gente !!! (desligar sutaque)


Ninguém nunca responde quando eu pergunto se tá tudo bem com vocês kekekeke. Será que ninguém pergunta isso nos outros blogs?? Eu vou começar a prestar atenção...

Antes de falar do mochilão, vocês acreditam que eu fui numa festa das meninas de HongKong e descobri que elas comem pão-de-queijo lá? :O:O:O Inacreditável.... sim, é igual ao do Brasil, eu provei.

Voltamos agora com a programação normal...


Dia 20-10 -> Estação Fantasma.


O senhor italiano da imigração com um bigodão pediu meu passaporte. Olhou ... olhou pra mim... conferiu o passaporte novamente, folheou pra cá, pra lá, viu o visto britânico, fez um suspense, me matou do coração, acenou com a cabeça e BUM!! Deu uma carimbada felomenau com um carimbo gigante que ele tinha lá. "Agoooora sim, vamos ver o que a Itália tem de massa :)".

Fui logo pedir informação pra ver onde eu trocava o faz-me-rir de libra pra euro e umas informações de como chegar na casa do meu host.

PS: Pra quem não leu os outros posts, eu fiz uso de um serviço chamado CouchSurfing para obter acomodação (de graça ainda mais, uhuuuu muleque!!! o/), e eu estava prestes a encontrar com o meu primeiro anfitrião (Federico - esse aí de baixo).

(eu e Fede - clique para ampliar)

O aeroporto de Torino (eu nem sei mais se esse é o nome em português, italino ou fruto da minha imaginação, mas daqui pra frente eu vou escrever os nomes conforme eu me lembre ter usado) era bem pequeno e consegui achar o caixa dos bilhetes do metrô facilmente. Muito mais facilmente que comprar o maledetto do bilhete.
- Você fala inglês? (falando em inglês)
- Não.
- Francês (em francês)
- Não.
- Português? kekekeke (já deu tudo errado durante o dia mesmo, vamos avacalhar de vez)
-Não, mas eu entendo espanhol.
"Aeeee, tô salvo!!!"
- (ligar sutaque portunhol) Muito Bom!!! Quanto é um ticket de metrô pra Torino Dora?
- (ligar sutaque italino) Sim, aqui é Torino.
- (ligar modo sarcástico) Rééé, digaí!! (ligar sutaque portunhol e fala vagarosa) Éhh... eu quero uma passagem de metrô para a estação Torino Dora.
- (ligar sutaque italino estressado) Desculpe, eu não estou entendendo nada, não entendo muito espanhol.
"Então agoooora o negócio ficou bom de vez!!"
E a conversa se estendeu por uma eternidade (uns 2 minutos) e eu consegui comprar o ticket graças a habilidades gestuais e textuais.
Ele me mostrou onde eu pegava o trem e fui direto pra lá (a fome tava apertando, eu num aguentava mais carregar a mochila e eu tava morto de cansado - o dia não tava sendo um dos mais fáceis). Segundo o caixa, era só atravessar o estacionamento do aeroporto (tratava-se daqueles estacionamento de vários andares) e eu estaria na estação já (isso pelo menos foi o que eu ACHO que ele disse).
Entrei na suposta porta da estação e.... tudo fechado, nenhuma alma penada, nem mendigo tinha. "Que danado de lugar é esse??? Será que eu entrei no canto certo?". O lugar era muito estranho. Não tinha placa de nada que fizesse referência à embarque/desembarque de trens nem qualquer uma das facilidades encontradas neste tipo de estabelecimento. Tava bem escuro lá dentro, um silêncio bem sinistro e eu com aquele peso terrível nas costas. Peguei o corredor largo que tinha entre os guichês (só deus sabe se eram guichês) e fui na esperança de ter pego o caminho certo... passei na frente de uma escadaria longa e suja que aparentemente não dava em lugar algum e segui caminho. Me deparei logo com o fim do corredor. "Putz... eu devo ter entrado no lugar errado mesmo, melhor perguntar a alguém lá fora".
Fui fazendo o caminho inverso e quando eu já estava a 3 metros da entrada, me aparecem dois sujeitos de toca, casacos pretos e com a gola dos casacos pra cima protegendo metade da cara.
- Ei você aí!!! Tá fazendo o que aqui????
"Pronto... dessa vez eu não escapo, FUDEEEEEEU!!!!"
- Vocês sabem onde é a estação?
- Ha, vocês tá procurando ela é? É essa aqui mesmo. Deixa que eu te levo onde pega o trem.
- Não, precisa não, eu vou ali no...
- VAMOS!!!! Me segue! >/


(finge que a figura não está rindo)

Cara, eu juro que eu comecei a suar frio na hora... "pronto, este é o fim de uma curta vida". Imagine a cena: um lugar bem macabro, silencioso, eu sozinho com dois caras mal encarados e sem a menor esperança de que fosse a estação. Eu juro que eu comecei a procurar um corredor, uma porta aberta ou sinal de gente pra sair correndo. A vida começou a passar diante dos meu olhos enquanto nós três subíamos as escadas sujas e longas. Voltar? Do jeito que eu estava me tremendo, nem ficar parado eu ia conseguir, nem se quisesse kekekekeke.
Daí foi só subir as escadas que nos deparamos com os trilhos. E para o meu profundo alívio, tinha gente o/o/o/!!! E foi uma dessas pessoas que me proporcionou a maior das maiores coincidências de toda a viagem.

Um dos dois caras que me trouxeram até a plataforma me perguntou pra onde eu ia e eu mostrei o bilhete. Ele tentou me falar qual o número do trem (pois é, eu descobri que eu ia pegar um trens ao invés do metrô) mas não sabia como falar em inglês, aí perguntou se alguém sabia como me explicar (era o número 12 por sinal) e eis que surge o causador do fato mais WhatTheFuckMan?? da viagem (pelo menos até aqui), Matteo Ferretti. Ele surge com a resposta, me salva de pegar o trem errado e eu arrumo alguém que sabe inglês pra tirar minhas dúvidas de como chegar na casa do Fede.
Conversa vem, conversa vai, e sabe o que eu descubro?? Hein? Hein?? Hein??? Vocês num acreditam!!! E num é que o cara...


To be continued...

Falando em cara, o novo FLATMATE chegou!!!! Antes tarde do que nunca.
Próximo post eu falo se alguém acertou a nacionalidade dele.

Ciao!!!

11 comentários:

Andrea Carolino disse...

Opa, eu vou bem e vc?
Hehehehehe

Meo Delz que medo!!

Tais ficando malandro: parando as histórias na melhor parte!
¬¬

Gostei não!

Catharine disse...

Meu amiigo, se eu tivesse no teu lugar nessa estação aí, já estaria toda cagada na hora que falaram: "- Ei você aí!!! Tá fazendo o que aqui????"
AHEUHEAUHEUHAUHUEHAUE

Espero que tu escreva mais amanhã \o/

Paulinha disse...

Ahnn, já sei... o tal do Matteo é vizinho do cara e te deixou na porta de casa.

camila disse...

puta que pariu, faaala.. kkkkkk quem era o cara?
ei, se eu tivesse no teu lugar, tinha tido um piripaque de medo também :P

by the way... eu tô bem, e vc?
kkkkkkkkk

johannes disse...

ou o cara é brazuca (apesar do nome) ou mora com o bixo e q eu saiba é Turim em português, Torino é o time^^

Eduardo disse...

looooooooooogan-saaan
comigo ta tudo bem graças a Deus!

quantas aventuras, hein? muito loco :P

quem é o caba? dono da inter? do milan? de um putero? de um bar?
auuhahuhuauhahuahuah

Poliana disse...

Eiitaaa.. eu ando lendo td (bem, qd eu lembro eu venho ler...
E vc é mt chato... ta parecendo autor de novela, parando a cena na melhor parte (cenas do proximo capitulo)..
Seria Matteo o irmão/primo/amigo do Fede????

E eu tb achava q era Torino (por causa de Mirna, amiga italiana de Luh), mas vi na tv que chamam Turin

;******** e eu to bem, e tu???

Luciana Urtiga disse...

Turim eh portugues e Torino eh italiano ! :P
e seu fresquin, conte logo o resto da historia! ¬¬
huahuahu
;******

Luiz de Almeida Neto disse...

Mt bom seu blog! Parabens. E tah td bem cmg. heheheheh.

luisa disse...

doiido, eu so fico imaaginando mario pedindo teu passaporte.. aheuaehuaehaue ;x

e esses teus fins de post é tua cara mesmo ne ? deixar a galera curiosa assim e tal, podia ter pelo menos dito a nacionalidade do bixo ne ? --'

ai agora mais tres meses pra saber qm danado é esse matteo ferretti!

Larissa disse...

vou fazer protesto, vou comentar mais não! AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFFF